logotipo titulo pt

VISITE-NOS

CONTACTE-NOS

Rua marquês de Pombal
     nº 285
 +258 (21) 325 087
 +258 (21) 357 100
 +258 (82) 307 4150

Plástico Ameaça Oceanos e Saúde Humana

lixomarinho1

A poluição é uma das maiores catástrofes que existem e não constitui um problema só dos nossos dias, mas sim um problema que vem crescendo ao longo dos anos e agravando-se cada vez mais. Estima-se que em média cada pessoa utiliza 60 quilos do material plástico por ano, onde parte disso vai parar nos mares e entra na cadeia alimentar.


Considera-se de lixo marinho a qualquer material duradouro, abandonado na costa ou no mar, que forma um problema global em crescimento e uma ameaça directa para o meio marinho. De acordo com o Programa das Nações Unidas para o Ambiente (UNEP), 15% do lixo marinho é o que vemos nas nossas praias e flutua à superfície ou está na margem da água. Os restantes 70% estão no fundo do mar.

Existem várias consequências para o meio ambiente: prejuízos para os ecossistemas marinhos, principalmente desequilíbrio ecológico, contaminação de peixes e outros animais marinhos que serão consumidos por pessoas, mortes de pássaros que se alimentam de peixes contaminados, águas das praias tornam-se impróprias para o banho, alta mortalidade, dependendo da poluição, de espécies animais marinhas e outros incalculáveis danos.

Sendo assim, e no âmbito das comemorações do dia Mundial dos Oceanos vamos todos dizer: “NÃO AO LIXO MARINHO”

Saiba mais…….

  1. Situação do Lixo em Moçambique
  2. Dia Mundial dos Oceanos

 

lixomarinho12lixomarinho123n